Teixeira Duarte assegura reaproveitamento de peças retiradas na restauração da Ponte Hercílio Luz

A Teixeira Duarte – Engenharia e Construções, S.A. venceu a licitação para reaproveitamento das peças retiradas durante o processo de restauração da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis.

Com este reaproveitamento, será possível revitalizar de cerca de 530 pequenas pontes no Estado de Santa Catarina, sendo que as peças serão adequadas aos projetos locais pela própria Teixeira Duarte e fornecidas às respetivas prefeituras, para que estas deem andamento às revitalizações, substituindo velhos pontilhões e bueiros que hoje estão em situação precária.

Colaborar na reutilização destes materiais, incluindo o seu tratamento e reciclagem, é importante não só pelos benefícios económicos e sociais que traz às localidades, mas também por se tratar de um modelo de negócio com fortes vantagens ambientais.

Com efeito, no processo de reabilitação e restauro da Ponte executado com enorme sucesso pela Teixeira Duarte, foram retiradas peças de aço da ponte e da estrutura provisória de sustentação que somam cerca de 380 toneladas, além de mais 1.000 toneladas provenientes das treliças e torres montadas abaixo do vão central, feitas para sustentar a ponte durante a substituição das barras de olhal.

Segundo informação da Defesa Civil Estadual, já foram recebidos pedidos para reabilitar 650 pontes. Num artigo do “NDMais”, a mesma fonte adianta que a reutilização destes materiais nas revitalizações podem representar uma poupança de R$ 35 milhões aos cofres do Estado.

Recorde-se que a reabertura da Ponte Hercílio Luz ao público está marcada para dia 30 de dezembro às 10h, altura em que se inicia um calendário de eventos e comemorações que se prolonga até 5 de janeiro.